3 dúvidas que você deve ter sobre a cirurgia de varizes a laser

São muitas as informações sobre cirurgia de varizes a laser. Aqui, de forma simplificada você tem as respostas para as três dúvidas que podem estar pairando na sua cabeça!

A cirurgia de varizes laser é um tratamento que há pelo menos 15 anos mudou as diretrizes terapêuticas, que deixou em segunda opção a cirurgia tradicional. O porquê da mudança é em razão de várias vantagens promovidas para o paciente.

Antes de responder três dúvidas que você pode ter sobre a técnica é válido conhecer um pouco sobre ela.

Bom, vamos lá! A cirurgia de varizes a laser é um método que está entre as técnicas de termoablação, ou seja, uso de calor. Na técnica a laser, as varizes são combatidas com energia luminosa gerada pelo laser.

O calor do laser provoca a coagulação das proteínas do vaso, que irá se fechar. Muito termo técnico? Então vamos simplificar: o que ocorre é a eliminação da circulação no vaso, que fica inativo no organismo e assim não aparece mais e nem causa sintomas.

Ter estas informações sobre a aplicação de varizes a laser é importante para que você entenda o seu funcionamento.

Pensando nas dúvidas que muitas têm sobre a técnica, relacionamos três questões muito recorrentes e respondemos de maneira simples. Sem aquelas terminologias muito técnicas, que mais confundem do que explicam. Veja agora!

  • Como é realizada a cirurgia a laser?

Dirigida por ultrassom, a fibra óptica de laser é aplicada diretamente na parte interior da veia, no qual é feito o disparo de laser que irá fechá-la. O processo é com anestesia local e sedação realizada por um anestesista experiente para o maior conforto do paciente.

  • Quanto tempo é necessário de repouso?

Uma das vantagens da cirurgia a laser é não exigir repouso. Portanto, você pode retornar ao trabalho e atividades sem problema. 

  • Qual o preço do procedimento?

O valor varia a cada caso, já que há mulheres que possuem varizes de menor ou gravidade. Há casos que precisam de um conjunto de técnicas, por isso, a determinação do custo depende do diagnóstico.

Continue sabendo mais sobre o assunto clicando aqui e siga lendo os próximos tópicos!

Cirurgia de varizes a laser x escleroterapia de varizes

Aquelas que pesquisam com frequência na internet vão se deparar com notícias, artigos e outras fontes falando sobre cirurgia e escleroterapia de varizes a laser. A quantidade de informações pode trazer ainda mais dúvidas.

Como sabemos que você é uma mulher atenta, que gosta de boas informações, trataremos desse assunto, sempre é, claro, de jeito simples, mas consistente!

A escleroterapia de varizes e a cirurgia a laser têm o mesmo princípio, isto significa que usa o calor para tratar o problema. No entanto, há diferença entre elas que consiste na intensidade e comprimento da onda do laser.

Há diversos tipos de tecnologias de laser com comprimentos de ondas variados. Na cirurgia, a tecnologia utiliza é o laser endovenoso (EVLT), que é comumente indicado para tratar veias mais grossas (maior calibre).

Quando o ciurgião vascular cita nomes como safena, safena magna, safena parva e safenas acessórias, ele está falando sobre varizes mais calibrosas. A orientação de tratamento nestes casos pode levar mais que um método como a cirurgia a laser e a convencional.

Quem possui vasinhos, que são aquelas veias avermelhadas menores, normalmente tem a indicação de realizar a escleroterapia de varizes. Neste processo o foco é que a hemoglobina (que causa a aparência avermelhada) absorva o calor do laser.

Com o calor absorvido, o vaso é impossibilitado de levar sangue e será eliminado, logo o resultado estético é libertação do aspecto avermelhado. O tipo de laser neste tratamento é geralmente o transtérmico.

Há contraindicações da cirurgia de varizes a laser?

Assim como todo o tratamento médico para solucionar as varizes e vasos, por mais modernos que sejam como é a cirurgia a laser tem contraindicações. 

Devem evitar procedimentos a laser como a cirurgia a escleroterapia, pessoas que utilizam constantemente medicações que possuem fórmulas fotossintetizantes. Algumas doenças também entram na contraindicações, como, por exemplo, o vitiligo.

Mas, fica tranquila, o médico varizes especialista como o diagnóstico planejará o melhor tipo de tratamento para o seu caso.

Vou ficar para sempre livre do problema com a cirurgia de varizes a laser?

Se você leu até aqui, sabe que foram respondidas mais que 3 dúvidas comuns. E agora será esclarecida mais uma das muitas levadas ao consultório: vou ficar livre para sempre dos vasinhos e varizes?

Soluções definitivas são temas espinhosos de se tratar, ainda mais quando o problema envolve saúde e estética como as varizes.

Vamos direto ao assunto! A cirurgia a laser como outros métodos de tratamento de varizes objetivam solucionar os danos provocados, não as causas do surgimento do problema. As causas são hereditárias e associadas a variados hábitos e outros fatores.

Por ser um problema que aparece por diferentes razões, podem surgir novos vasos u vasinhos. 

Focado na beleza e saúde dos seus pacientes, o Drº Felipe Mamprim, mais que atuar com as mais novas tecnologias de laser e outros tipos de tratamentos, trata da prevenção.

A prevenção, após o tratamento é fundamental para que não surjam novos vasinhos e varizes. O médico vascular, expõe todas as formas mais eficientes de reduzir as chances do reaparecimento do incômodo.

Quer entender mais sobre todos os termos discutidos na internet? Como aplicação de varizes, operação de varizes, escleroterapia e outros? Agende uma consulta com Drº Felipe Mamprim saiba tudo!

Preencha o formulário abaixo e em breve entraremos em contato


Posts Relacionados

Open chat
Oi, tudo bem? Como posso te ajudar? :)
Oi, tudo bem?
Como posso te ajudar? :)